sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Paixão

A paixão é algo estranho, ela chega de repente, sem bater na porta, sem nenhum convite, sem ser esperada, sem algum aviso, vai se aproximando com um olhar intenso, com um belo sorriso e um abraço quente.



Se faz tudo diferente, o que era brega, agora é romântico, beijos selam um novo elance, carinho simples mais genuíno, o toque na pele gera arrepios, um olhar singelo, um afago ardente, sorrisos acontecem sem nenhum motivo, é possível ver o que o outro sente, dá pra ler nos olhos o seus sentimentos, fica tudo claro, quase transparente e não tem disfarce se a paixão é forte.



As vezes a paixão nos faz ficar um pouco bobos, meio cegos, inocentes, ela vai nos envolvendo. E depois que nos encanta, a dependência se torna nítida, queremos mensagens um do outro, como um correio elegante, ouvir a voz alegra o dia, o tempo se torna diferente, um dia longe gera saudade, como se fosse um mês ausente, um simples abraço para o tempo, que se congela por instantes. Tudo fica mais bonito, perfeito e apaixonante, se faz planos pro futuro, se esquece do passado, se ignoram os defeitos, só existe o novo amor ao lado.



2 comentários:

  1. Ana Elisa Vasconcellos1 de março de 2016 22:39

    O melhor disso é quando a paixão finalmente vira amor verdadeiro, correspondido! Substituem-se, então, as borboletas no estômago pela intimidade e confiança sem fim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Ana Elisa! O amor é surpreendente
      Desculpe a demora para responder. Não estava muito frequente no meu blog, pois passei uns meses sem internet e não pude postar e responder comentários. Mas agora tudo voltou a ser como era antes, pois amo escrever, a paixão sempre acaba, mas o amor sempre permanece!!!

      Excluir